Produção industrial do Ceará cresce 3,3%; 5º mês de alta

Notícias |

A indústria do Ceará segue dando sinais de recuperação. Em setembro deste ano, o setor registrou aumento de 3,3% em relação a igual período de 2016, com ajuste sazonal. O avanço ficou acima da média nacional (2,6%). Além disso, foi o quinto mês consecutivo que a indústria cearense mostrou crescimento, de acordo com a Pesquisa Industrial Mensal Produção Física – Regional, divulgada ontem (8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No terceiro trimestre de 2017, o crescimento da indústria local também foi de 3,3% ante igual período de 2016, um incremento mais intenso que o verificado no segundo trimestre (2,1%). No Brasil, o avanço da indústria foi de 3,1% no terceiro trimestre deste ano e de 0,3% no segundo trimestre.

No acumulado de janeiro a setembro deste ano, a indústria do Ceará cresceu 1,6%, mesmo percentual registrado pelo setor nacional. Já no acumulado dos últimos 12 meses encerrados em setembro, houve alta de 0,5% no Estado, um pouco acima do aumento registrado no País (0,4%) em igual período.

Por outro lado, em relação a agosto deste ano, a indústria cearense recuou 1,1%. Foi o terceiro mês seguido de queda nessa base de comparação. Em agosto, a queda foi de -0,2% ante o mês imediatamente anterior. Já em julho, houve retração de -0,7 frente a junho.

Nacional

O setor industrial registrou expansão em setembro deste ano em 10 dos 15 locais que integram a Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física Regional do IBGE. Na média nacional, o setor industrial mostrou crescimento de 2 6% no período.

Os estados do Pará (13,2%) e Rio de Janeiro (11,3%) tiveram os avanços mais intensos.

Os demais avanços ocorreram no Paraná (8,9%), Goiás (7,3%), Amazonas (6,8%), São Paulo (5,0%), Bahia (4,7%), Mato Grosso (4 5%), Ceará (3,3%) e Santa Catarina (2,4%). Por outro lado, houve perdas relevantes no Rio Grande do Sul (-5 0%) e Pernambuco (-4,1%).

Trimestre

No terceiro trimestre, a produção industrial cresceu em 13 dos 15 locais pesquisados ante igual período de 2016. Na média global, o setor industrial cresceu 3,1% no terceiro trimestre de 2017, a taxa positiva mais elevada desde o segundo trimestre de 2013, quando avançou 5,1%.

Houve ainda aumento no ritmo de produção na passagem do segundo trimestre para o terceiro trimestre em 11 dos 15 locais pesquisados, com destaque para a Bahia (de -6,3% no segundo trimestre para 5,6% no terceiro trimestre), Mato Grosso (de -2,7% para 7,4%), São Paulo (de -0,2% para 5,4%), Paraná (de 1,9% para 6,8%) e Goiás (de -1,4% para 3,5%). Por outro lado, houve desaceleração no ritmo de crescimento do Espírito Santo, além de perda relevante no Rio Grande do Sul (de 2,0% para -1,4%).

FONTE: http://diariodonordeste.verdesmares.com.br/cadernos/negocios/producao-industrial-do-ceara-cresce-3-3-5-mes-de-alta-1.1848060

Veja Também: